O que realmente importa ?

Olá

Semana passada, durante o trajeto a um cliente,  tive a oportunidade de conversar com um taxista sobre a história de vida dele. Descrevo aqui:

 Segundo Sr Antonio, numa manhã normal de trabalho ele saia de sua casa para o “ponto” onde trabalhava, quando em determinada esquina a poucos quarteirões de sua saída, ele foi atingido por outro automóvel em altíssima velocidade que o jogou contra um poste há alguns metros da colisão (acidente muito parecido com um que vimos recentemente nos noticiários – segundo ele mesmo)

 Foram oitos dias de coma e 6 meses de reabilitação. Segundo o próprio Sr Antonio, ele não sabe como sobreviveu. “Foi um milagre, Deus me deu uma segunda chance…” ele me disse.

 Quase no final da “corrida” ele disse-me o que aprendeu com o ocorrido: “Descobri que o que importa mesmo é a família. Hoje não perco qualquer oportunidade de estar próximo de minha esposa e minhas filhas… Todo o resto é ilusão“. “Não sabemos quando será nossa hora” ele disse-me em outro momento.

 Nos despedimos chegando ao destino. Desejei a ele boa sorte e este disse-me para agradecer todos os dias por estarmos vivos !

 A história deste taxista me lembrou dessa outra abaixo, que recebi por email semanas atrás. Aprendamos com quem “já foi até o futuro e voltou” e perceberam onde devemos focar nossas vidas…

dying is not scary…” – impressionante !

boa semana a todos !

Anúncios

Sobre Marco

Marco é casado com Mariana e tem os pequenos Carol e Rafael. Ele é formado em Tecnologia da Informação, pós graduado em administração e trabalha há 14 anos no mercado corporativo de TI. Atua na Igreja Católica desde a adolescência, participando de grupo de jovens, ministérios de música e equipes de evangelização. Está na pastoral da familia da paróquia Nossa Senhora do Brasil desde 2007, atuando junto às familias e aos casais que buscam o matrimônio.
Esse post foi publicado em Familia&Trabalho. Bookmark o link permanente.

2 respostas para O que realmente importa ?

  1. Evandro Rodrigues disse:

    Marco e Demais, bom dia.
    Aproveitando o texto, colaboro com o seguinte: Semana passada mais precisamente 5a feira, fui numa empresa participar de uma pesquisa de mercado, o horário marcado para inicio era 18.30h, quando veio a coordenadora deste estudo e disse que iria atrasar 30m’, um cidadão levantou e disse que precisava muito participar desta pesquisa (pela remuneração), mas disse que mesmo que o dinheiro vá faltar, ele precisava ir embora, perguntei o porque e ele me disse: Hoje é 5a. feira dia de jantar em família, não posso deixar de ir porque é muito importante a estar com minha família, abraçar meus filhos e esposa, o dinheiro Deus prove de alguma forma, deu boa noite a todos e foi para o seio familiar.
    Abraços a todos.
    Evandro Rodrigues

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s