Catequese continuada

No último sábado (02/07/11), o Papa Bento XVI discursou aos participantes da peregrinação à diocese de Altamura-Gravina-Acquaviva delle Fonti e ressaltou a importância da família na educação da sociedade moderna. Ressaltou que os pais não devem se intimidar com as inúmeras ameaças impostas por um clima de verdadeira confusão no que diz respeito às escalas de valores. Lembrou que os pais não estão sozinhos nesta missão e que podem contar com a ajuda da Igreja. A catequese deve ser vivida de maneira continuada e não apenas como preparação para receber os sacramentos da iniciação cristã. Ressaltou também a importância da Eucaristia e consequentemente da participação da família nas Missas dominicais. Eis alguns trechos do discurso:

“Caros amigos, atenção especial deve ser dada à educação, a fim de considerar a vida cristã, de modo que cada pessoa pode fazer uma verdadeira jornada de fé, através dos vários estágios da vida, uma jornada em que – como a Virgem Maria – a pessoa recebe a Palavra de Deus profundamente e a põe em prática, tornando-se uma testemunha do Evangelho. O Concílio Vaticano II, na Declaração Gravissimum Educationis, diz: “A educação cristã tem por principal objetivo garantir que os batizados, sejam gradualmente introduzidos no conhecimento do mistério da salvação, levando-os mais e mais a serem conscientes do dom da fé … e preparando-os a viver a sua vida de acordo com o novo homem em verdadeira justiça e santidade “(n. 2). Este compromisso com a educação continua a ser a principal responsabilidade da família. Queridos pais, você devem ser as primeiras testemunhas da fé! Não tenham medo das dificuldades no meio do qual vocês são chamados a cumprir sua missão. Vocês não está sozinhos! A comunidade cristã está junto de vocês para lhes apoiar. A catequese acompanha os seus filhos no seu crescimento humano e espiritual, mas deve ser considerada como uma educação continuada, não se limitando a preparação para os sacramentos; temos toda a nossa vida para crescer no conhecimento de Deus. Saibam sempre contar com a força e a luz da liturgia: a participação na celebração eucarística, no Dia do Senhor é decisiva para a família, para a comunidade; ela é a estrutura do nosso tempo. Lembremo-nos sempre que nos sacramentos, especialmente a Eucaristia, o Senhor Jesus age para a transformação dos homens, por assimilá-los a Si mesmo.”

 

Abraços e até a próxima semana.

 

Heraldo

Anúncios
Esse post foi publicado em Pais+Filhos. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s