Rezar em Família

Prezados Amigos, espero que todos que leem este post estejam, antes de tudo, com a fé e a esperança da salvação em Jesus Cristo, contando sempre com a intercessão de Nossa Senhora. Taí a verdadeira paz de espírito…

Mais uma vez lembro que quando fui convidado a escrever neste site, com o tema Rezar em Família ou na época, conforme me foi dito, para falar de oração, pensei comigo, não sou capaz de fazê-lo, mas seja o que Deus quiser (literalmente falando). Aprofundei-me nos estudos, até hoje eu faço, passo a semana inteira pensando sobre o que escrever, observando o meu dia a dia e das pessoas, refletindo sobre leituras que faço e sempre me vem alguma coisa que sinto vontade de compartilhar. Essa é a grande inspiração, compartilhar algo com alguém que gostamos, da mesma forma que os leitores (escritores) compartilham seus comentários que complementam o texto… Compartilhar coisas de Deus, que missão mais bonita!

Mas sobre Rezar em Família, encontrei uma definição em um livro chamado “O Rosário meditado pelo casal” dos autores Maria do Carmo Whitaker e José Maria Whitaker Neto que definiu algo sobre a espiritualidade conjugal, que considerei muito pertinente e gostaria de compartilhar com vocês:

“A vivência da espiritualidade conjugal não significa, tão-somente, oração feita em conjunto, marido e esposa. Espiritualidade conjugal é a vivência diária do sacramento do matrimônio que se manifesta em cada ato da vida do casal, oferecido a Deus e vivido com amor. A espiritualidade conjugal é o modo como o casal se relaciona com Deus, procurando aumentar sua união e viver intensamente em cada momento seu amor mútuo, que é a extensão do próprio amor divino.”

Amigos, rezemos por todos os casais se amarem mutuamente, crescendo nas virtudes, baseado no amor que Deus sente por nós!!!

Um abraço a todos, Fiquem com Deus!

Anúncios
Esse post foi publicado em Rezar em Familia. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Rezar em Família

  1. Luiz Coelho disse:

    Bom Dia….

    Bastante ilustrativo o texto apresentado…..eliminando as palavras matrimônio, conjugal, casal, etc…..é uma ótima releitura da frase : “amai-vos uns aos outros como eu vos amei.” (Jo 15, 12).

    Acredito este ser um dos grandes problemas da humanidade atual….a falta de amor, carinho e porque não dizer de caridade para com o próximo….que no caso, o mais próximo seria o próprio cônjuge !

    Como dito em vários posts…..; o estresse de ambos os cônjuges derivado de suas jornadas de trabalho em busca de bens materiais ( que as vezes podem ser até exageradas e gananciosas )…acabam por influenciar essa troca afetiva do casal…por isso : “Vigiai e Orai, para não cairdes em tentação”. – Jesus (Mateus, 26,41) ; pois não podemos esquecer, nem mesmo que por um momento, o que é realmente importante em nossas vidas e porque vale a pena vivê-la plenamente.

    Abraço

  2. Valdir disse:

    Lutfe

    É a grande proposta que se apresenta para o amor conjugal que se realiza no casal que abraça a vocação do matrimônio: amar um ao outro nas pequenas coisas do dia,de modo a tornar estas atitudes uma oração, onde Deus esteja presente.

    Muito obrigado Lutfe

    Valdir

  3. lutz disse:

    vc tem que abordar temas polêmicos e atuais que empolguem o leitor e o levem a refletir.
    minha opinião
    abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s