CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2010

Após a celebração da quarta-feira de cinzas inicia-se a Campanha da Fraternidade no Brasil. Este ano o tema é “Economia e vida” e o lema “Vocês não podem servir a Deus e ao dinheiro”. Estas palavras de Cristo no Evangelho são conhecidas e repercutem na intimidade da natureza humana há muitos séculos. Contudo, nos tempos atuais este lema vem se apresentar ainda mais atual quando constatamos a sociedade consumista que cresce a cada dia, tornando os valores humanos vinculados a sua capacidade de produção de bens materiais.  Cada vez mais parece que valemos aquilo que conseguimos comprar e se esqueceu que o que realmente valemos é aquilo que nos esforçamos em melhorar enquanto pessoa.

Quando se lê no I Mandamento da lei de Deus, recebido por Moisés, lá está: “ Não terás outros deuses além de mim” (Ex 20, 3). Infelizmente este imperativo divino tem sido esquecido, e temos substituído a divindade do único e verdadeiro Deus, por uma série de “deuses” a quem se presta idolatria. Dentre estes ”deuses”, sem dúvida, o dinheiro encontra-se hoje num dos primeiros lugares, disputando com a luxúria, e o egoísmo (que é o endeusamento pessoal).

È incrível perceber como tudo está vinculado a preços das bolsas de valores, índices inflacionários, marcadores financeiro, PIB (Produto Interno Bruto), capacidade de exportação e importação, subida ou descida do dólar, … E  o novo imperador será aquele que for mais rico ($$$). Recentemente a crise do sistema financeiro resultou num panorama semelhante as epidemias medievais, em que todos queriam fugir para lugares seguros, ou seja, onde não se perde-se a saúde, quer dizer , não se perde-se o dinheiro.

Existem até psicólogas (das quais discordamos totalmente) que acreditam que toda solicitação a uma criança no processo de educação deveria ter um “recompensa” em pagamento (ao invés de “por favor” e “ muito obrigado” ), para que pudessem desde cedo (3 ou 5 anos de idade) compreender o “valor” das coisas!!! É incrível que este livro tenha se tornado um best seller nos EUA!!!

Lembrar que na educação dos filhos o dinheiro tem que ter “rédea curta”. Pouco dinheiro, o necessário para as necessidades básicas dos filhos poupará muitas dores de cabeça aos pais.

“Daí a Cesar o que é de Cesar e a Deus o que é de Deus”. Assim nos ensina Cristo. A presença do dinheiro na nossa civilização enquanto veículo de troca é necessária. É justo que se receba o salário digno para o sustento próprio e da família. Não se deve desperdiçar o dinheiro. Contudo não podemos inverter a ordem das coisas e colocá-lo na idolatria.

É isto que a Campanha da Fraternidade vem nos alertar este ano de 2010. Procurar através dos bens materiais tornarmo-nos mais irmãos numa distribuição fraterna destes bens. Fazer com que através do dinheiro possamos concretizar uma justiça de equidade onde os que mais necessitam devem ter os recursos necessários pelo critério da caridade. Não colocar o dinheiro naquilo que nos afasta  de Deus. Que o saber-se filho de Deus seja sempre para nós a grande riqueza, onde a traça não estraga e o ladrão não rouba.

Anúncios

Sobre vreginato

Casado e tem três filhos. Médico e Terapêuta de Família. Professor de Bioética, Históra da Medicina e Espiritualidade e Mediicna na Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), membro do Centro de História e Filosofia das Ciências da Saúde da Unifesp, Coordenador da Pastoral da Família da Paróquia Nossa Senhora do Brasil
Esse post foi publicado em Palavra da Igreja. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2010

  1. lutfeyunes disse:

    Valdir, este artigo é excelente, um verdadeiro ensiamento sobre como devemos nos colocar sobre a questão do dinheiro. Um abraço, Lutfe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s