Na República Dominicana a vida é preservada desde a concepção

Tinha me preparado ao longo da semana para escrever sobre outros dois temas que me foram sugeridos por um grande amigo. Entretanto essa semana que passou deve ser lembrada como aquela que ficou marcada por um importante marco em defesa da família.

Como este blog se pretende defensor da família, achei que o tema deveria mudar e resolvi comemorar com nossos leitores um passo importante na luta contra o aborto ocorrida na República Dominicana.

Ao elaborar o novo texto constitucional, os parlamentares do pequeno país da América Central tiveram a coragem que muitos políticos brasileiros teriam vergonha de fazer por medo da pressão da mídia ou de barulhentos e minúsculos grupos que lutam em favor do crime do aborto.

Com efeito, no último dia 26 de janeiro entrou em vigor o novo texto constitucional que prevê em seu artigo 37 que “o direito à vida é inviolável desde a concepção até a morte. Não poderá estabelecer-se, pronunciar-se nem aplicar-se, em nenhum caso, a pena de morte”.

Nada mais sincero e honesto em defesa de inocentes vidas.

O presidente da República Dominicana, Leonel Fernández, fez um discurso sobre a nova Carta Magna de seu país, anunciando que o texto do novo ordenamento jurídico será considerado “A Constituição do século XXI”.

Defender a vida de inocentes é defender a família, tão vilipendiada em nossos dias. Esperemos que o presidente Fernández tenha razão no que diz respeito à defesa da vida propagada pelo texto constitucional e que os políticos pelo mundo inteiro parem de dar ouvidos a uma parte influente da mídia que é favorável ao aborto e passem a legislar em defesa do principal dos valores fundamentais, que é a vida.

A obrigação que cobramos desses políticos é tão maior quando nos lembramos que as recentes pesquisas feitas pelo mundo mostram que, diferentemente do que se passava com a geração de 68, os jovens atuais são em sua grande maioria contra o infanticídio programado, ou seja o abortamento, fazendo com que importantes países como Estados Unidos e Brasil tenham uma grande maioria de sua população contrária à prática do aborto.

Que a República Dominicana seja um exemplo para o mundo!

Anúncios

Sobre Miguel

Empresário, estudou letras em Paris e cursa Direito na Faculdade de Direito Mackenzie. Atua desde muito jovem em diversas associações católicas e movimentos em defesa da vida e pela família.
Esse post foi publicado em Geral e marcado . Guardar link permanente.

2 respostas para Na República Dominicana a vida é preservada desde a concepção

  1. Valdir Reginato disse:

    Miguel

    Fantástico! Duas vezes Fantástico!

    Uma porque a República Dominicana dá uma exemplo para o mundo, outra porque fiquei sabendo isso somente por esta sua carta no blog.

    Não sai este tipo de comentário ou notícia no noticiário da noite. Não que eu tenha ssistido. Também não sai na primeira página de um jornal ou revista semanal. Talvez alguma pequena notícia que passou desapercebida, como passa a República Dominicana.

    De qualquer forma é uma grande notícia que nos aninma a todos. Obrigado

    Valdir

  2. Miguel disse:

    Olá Valdir,

    De fato essa importante notícia não foi propagada, mas sabemos bem que a mídia não gosta de anunciar, porque é o contrário do que vemos normalmente em jornais, revistas e televisões.

    Cabe a nós fazer o possível para difundir ao máximo essas notícias.

    Um forte abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s